Osteopenia, um aviso da Osteoporose

Conheça a osteopenia e como ela pode afetar os ossos.
geral-osteopenia

Entre as principais doenças que mais acometem os idosos, está presente a osteoporose. Entretanto, é mais comum ouvir falar da osteoporose do que da osteopenia.
A osteopenia é o estágio que antecede a osteoporose. É um alerta, que se for identificada antes, é possível evitar a perda de massa óssea e impedir que evolua para o caso de osteoporose.
Como todos nós atingimos um pico de massa óssea por volta dos 30/35 anos, nosso corpo entende que é sempre necessário renovar as células antigas. Conforme avançamos a idade, essa compensação fica desequilibrada, produzindo cada vez menos reposição óssea. Como não possui sintomas, só é possível descobrir através dos exames de densitometria óssea, que irá indicar os valores de perda da massa óssea de acordo com a faixa etária.
As mulheres são as mais prejudicadas, pois devido a menopausa, os hormônios responsáveis pela produção e absorção óssea encontram-se em níveis mais baixos.
Como não há cura para perda de massa óssea, é possível retardar o seu avanço através da prática de exercícios físicos, alimentação saudável, exposição ao sol (nos horários adequados) para produção de vitamina D que contribui para absorção de cálcio, uso de medicamentos e suplementos de cálcio recomendado pelo seu médico e reposição hormonal depois da menopausa.
Os fatores de riscos que podem acelerar a doença são: fumo, bebida alcóolica, sedentarismo, consumo de cafeína, uso de cortisona e anti-convulsivantes, etnia branca, menopausa, pessoas com baixo peso e estatura que não atingiram o pico de massa óssea, idade avançada e falta de exposição ao sol.
Portanto, somente através da prevenção é possível ter controle sobre a osteopenia, retardar o processo de avanço da osteoporose e envelhecer com tranquilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *