Reencontro – O quanto o mundo virtual na verdade nos aproxima e nos educa

Interneentretenimento-banner-set15

Com o avanço da globalização vivemos cercados pelo universo virtual, o que propicia uma incontável variedade de informações e interações diárias com o resto do mundo, facilitando o contato com pessoas de todos os lugares, das mais diversas culturas e histórias de vida únicas. Além disso, possibilita o fenômeno da educação aberta e de qualidade para todos, com advento de plataformas e sites especializados nessa proposta. O poder do universo virtual supera as barreiras da distância e faz com que o que antes era improvável e de difícil acesso para muitos, hoje esteja disponível a um clique de distância.

Por meio desse movimento mundial, surgiram ferramentas que possibilitaram uma revolução nos meios de comunicação e na forma de lidar e conhecer pessoas, culturas e simplesmente aprender algo novo, sendo a ferramenta mais conhecida a internet. Através dela, as relações com o mundo foram facilitadas, além de ela ter se tornado um instrumento capaz de unir pessoas das mais diversas formas e ser útil em quase todas as ocasiões, chegando ao ponto de seu uso já fazer parte do nosso cotidiano.

Com a virtualização dos meios de comunicação, tornou-se possível, por exemplo, que pessoas de qualquer parte do mundo que possuam interesses iguais possam interagir e discutir sobre esses temas em fóruns ou redes sociais, e dessa forma, compartilhar e receber novos conhecimentos. Além disso, essa interação acaba fazendo com que haja a interação entre histórias de vida interessantes e inspiradoras como a de Blake Belford, cuja história está disponível na seção Esporte da edição desse mês.

Devido a essa interação, pessoas tornam-se capazes de fazer coisas impressionantes. O extenso alcance do universo virtual possibilita que em ambientes puramente cibernéticos sejam desenvolvidas ações buscando a defesa ou a reação contra algo, como é o caso de quando, por meio das redes sociais ou petições online, há mobilização na luta pela defesa do direito dos animais ou reversão de propostas do Congresso ou até mesmo causa o início de uma revolução em uma região, como aconteceu no Oriente Médio e no norte da África com a Primavera Árabe em 2010. Além disso, fazem com que vozes e lutas sejam notadas não apenas pelas instituições e finalidades a que se destinam, mas também pela população em geral, levando o conhecimento sobre causas importantes a todos aqueles que estejam dispostos a ouvir.

E uma vez que uma mensagem pode tomar proporções tão grandes, não é impossível – e tampouco raro – que pessoas também se encontrem por meio dessas ferramentas. Existem muitos casos de encontros e reencontros que jamais seriam possíveis sem a ajuda dessa rede que conecta o mundo inteiro. Mães que reencontram filhos, filhos que matam a saudade dos pais através de chamadas em vídeo, um em cada canto do mundo. Pessoas que tiveram uma “ajudinha cibernética” para se conhecerem e que hoje são grandes amigos ou mesmo casais.

E se há algo que a web possibilita é a partilha de conhecimento. Com isso em mente, organizações foram criadas na intenção de aumentar ainda mais essa gama de entretenimento educacional na rede, além de plataformas especialmente criadas para a modalidade EAD (Educação à Distância) que vem ganhando cada dia mais espaço. Seu mais novo desenvolvimento na área são os Moocs, cursos abertos ofertados em um ambiente totalmente online que buscam oferecer a oportunidade de aumentar o conhecimento de seus alunos sem que eles precisem sair de casa.

Iniciativas com o intuito principal de fornecer educação sobre as mais diversas áreas de conhecimento, com ou sem fins lucrativos, algumas até em parceria com grandes universidades e instituições de ensino renomadas existem em larga escala, visando transformar a rede em uma grande sala de aula para pessoas de todas as idades, em todos os cantos do globo.

Mas não é necessário fazer parte de uma organização desse tipo para fazer parte da revolução da educação. Pessoas sem nenhuma ligação com essas entidades também divulgam seu conhecimento, suas criações, seus trabalhos e mesmo histórias inspiradoras através de vídeos, artigos ou textos publicados em redes sociais, sem nenhum tipo de custo para seus leitores. Tudo pelo desejo de espalhar conhecimento e informações úteis para seu público alvo, acabando com as limitações para a descoberta de novas histórias e conhecimento.

A larga utilização do mundo virtual para fins positivos possibilitou que situações como essas sejam reais. Que encontros e reencontros sigam acontecendo e que o conhecimento se espalhe ao redor do globo com grande eficácia e que seja de acesso fácil e muitas vezes gratuito. Cabe a nós, usuários, esperar que os sucessivas inovações tecnológicas estejam sempre visando dar uma maior comodidade a seus usuários. Que continue sempre crescendo e acima de tudo, busque facilitar a vida daqueles que moram longe de quem amam e de quem deseja absorver e compartilhar conhecimento, nos permitindo construir uma rede de união e conhecimento aberta e cada vez mais disponível a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *